PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Neve no outono? Relembre as vezes que o Brasil registrou o fenômeno

Urubici (SC) registrou neve na manhã de hoje - Reprodução/Twitter
Urubici (SC) registrou neve na manhã de hoje Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

17/05/2022 16h47Atualizada em 17/05/2022 16h47

A primeira neve do ano caiu em ao menos duas cidades do estado de Santa Catarina nesta manhã, marcando a passagem de uma forte onda de frio sobre a região sul do país. Apesar de o fenômeno ser incomum — especialmente no outono — esse não é um episódio inédito no Brasil.

Em 17 de abril de 1999, a cidade de São Joaquim foi afetada pela neve em pleno início de outono. O município registra baixas temperaturas recorrentemente, pois está em uma altitude de 1.354 metros. Neste ano, inclusive, foi lá onde ocorreu a primeira chuva congelada de 2022, na noite de ontem e madrugada de hoje.

A neve voltou a ser vista no outono de 2007, em maio. Os dias 9, 23, 24 e 30 do mês registraram o fenômeno nas áreas serranas de Santa Catarina. O mesmo episódio ocorreu no dia 30 de abril de 2012, atingindo também as serras gaúchas.

Já em 2016, a neve caiu em abril, no dia 27. Além de São Joaquim (SC), onde a temperatura mínima chegou aos 1,1 °C, outros pontos da Serra Catarinense e Gaúcha também registraram os flocos de neve.

A previsão é a de que o fenômeno seja observado novamente nos próximos dias. Um dos fatores é a chegada do ciclone Yakecan no Oceano Atlântico, que estimula o aumento da umidade, conforme informou a Climatempo.

Com a região enfrenando temperaturas baixas, entre -1 °C e 5 °C., a forte presença de umidade impulsiona a formação de neve em vários municípios.

O ciclone já é observado sobre o mar, a cerca de 900 km do litoral do Rio Grande do Sul. Os ventos mais intensos devem chegar a 110 km/h e o deslocamento vai seguir em direção à costa.

O InMet já emitiu um alerta vermelho para os riscos que o fenômeno pode provocar em diferentes cidades. Segundo o instituto, as recomendações são as de permanecer em lugares abrigados e longe das janelas e evitar se locomover durante o mau tempo.

Cotidiano