Conteúdo publicado há 2 meses

Mulher que marcava encontros para roubar homens é presa pela 2ª vez no Rio

Uma mulher de 25 anos que marcava encontros com homens para roubá-los foi presa hoje na Rodovia Rio-Teresópolis. Raquel de Melo Pereira já havia sido detida há cerca de um ano, na Baixada Fluminense.

O que aconteceu

Raquel de Melo Pereira foi presa na madrugada deste sábado (2). A suspeita foi encontrada por policiais da 67ª DP (Guapimirim) na Rodovia Rio-Teresópolis, "após trabalho de inteligência e monitoramento", segundo a Polícia Civil do Rio. O UOL ainda tenta localizar a defesa de Raquel.

Um homem de Guapimirim, na Baixada Fluminense, foi uma das vítimas. Raquel havia marcado com ele pelas redes sociais. Ao encontrar a vítima, aproveitou um momento de distração e pegou todo o seu dinheiro e um cartão de crédito, "com o qual realizou transações bancárias", diz a Polícia.

Em outro caso, Raquel pegou celular da vítima e fez transferências. Na ocasião, ela também havia marcado um encontro com o homem pelas redes sociais, de acordo com a 67ª DP.

Suspeita já havia sido presa em dezembro de 2022 e solta em setembro. Raquel acumula 18 anotações criminais por estelionato e furtos mediante fraude. Contra ela, havia um mandado de prisão preventiva emitido pela 39ª Vara Criminal da Capital.

"Especialista em seduzir homens"

Raquel usa da boa aparência para conquistar a confiança dos homens. No ano passado, ao UOL, o delegado Vilson de Almeida (35ª DP - Campo Grande) disse que "ela seduzia, dopava as vítimas e subtraía valores nos cartões de créditos e débito".

Uma vítima relatou ter encontrado Raquel em um app de relacionamento. A conversa migrou para o WhatsApp, e eles marcaram de se encontrar. Os dois foram a uma casa de shows e, depois, a um motel da região. Em dado momento, Raquel pediu o telefone dele sob o pretexto de precisar ligar para a mãe. Logo após liberar o aparelho, o rapaz pegou no sono.

Continua após a publicidade

Suspeita levava uma máquina de cartão consigo, completou vítima. Ainda no motel, Raquel passou o cartão de crédito do homem em uma maquininha de cartão que carregava. Os lançamentos somaram R$ 1.520 em poucas horas.

Raquel chegou a ter falsa morte anunciada pela própria mãe. A postagem foi feita em maio do ano passado e dizia que Raquel havia morrido em um acidente de moto, em Teresópolis (RJ). Procurada à época, a mãe preferiu não se pronunciar.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora