PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Sem querer, vítima de furacão nos EUA pede ajuda a cidade homônima no Canadá (e é atendida)

Shiva Kumar Shunmugam, que administra as redes sociais da cidade canadense - Reprodução de vídeo/GlobalNews
Shiva Kumar Shunmugam, que administra as redes sociais da cidade canadense Imagem: Reprodução de vídeo/GlobalNews

Do UOL, em São Paulo

31/08/2017 13h31

Uma americana, desesperada por ajuda para sua filha, que teve a casa onde mora, em Beaumont, no Texas, atingida por uma inundação causada pelo furacão Harvey, foi buscar auxílio na página da cidade no Facebook. No entanto, ela acabou se confundindo e mandando a mensagem para os bombeiros do município de mesmo nome que fica no Canadá.

"As casas de Terrell estão inundando. Preciso de ajuda", dizia a mensagem.

A Beaumont canadense é pequena, tem cerca de 18 mil habitantes, e nenhum bairro chamado Terrell. Além disso, não chove por lá há cerca de uma semana. Mesmo assim, Shiva Kumar Shunmugam, responsável por administrar as redes sociais da cidade, logo se deu conta do que estava acontecendo.

A Beaumont texana fica perto de Houston e foi duramente atingida pelo furacão Harvey. Além disso, uma das mais importantes vias da cidade é a avenida Terrell.

Mesmo distante 3.800 quilômetros, Shunmugam foi atrás de ajuda. Ele entrou em contato com os bombeiros de Beaumont, no Texas, que conseguiram encontrar o endereço correto da filha da americana que buscava ajuda.

Shunmugam e a mulher mantiveram contato por um dia inteiro. Aconselhado pelos serviços de emergência, o canadense chegou a pedir para a americana não sair de casa de carro pois seria muito perigoso. No entanto, depois de um tempo, ambos perderam contato.

"Eu não dormi a noite inteira pensando e rezando por ela e por outras famílias que estavam na mesma situação", contou ao canal de TV CTV.

No dia seguinte, ele recebeu notícias vindas do Texas. A mulher, seu marido e seus três filhos estavam seguros em um abrigo de emergência. A mãe da americana entrou em contato com Shunmugam dando a notícia e agradeceu pelo ato do canadense.

"Gostaria de vê-los no futuro", contou Shunmugam ao jornal Metro. O canadense também planeja mandar alguns artigos locais para mostrar apoio à cidade-irmã no Texas.

Harvey volta a atingir o sul dos Estados Unidos após provocar precipitações recordes no Texas, onde as equipes de emergência ainda lutavam para resgatar centenas de pessoas presas nas inundações.

Em Houston, com 2,3 milhões de habitantes em sua região metropolitana, a tempestade transformou ruas em rios, e bairros em lagos, forçando mais de 8 mil pessoas a deixarem suas casas.

As autoridades estimam que cerca de 450 mil pessoas vão procurar ajuda do governo federal.

Internacional