Intacto, submarino alemão da Primeira Guerra Mundial é encontrado na Bélgica

Colaboração para o UOL

  • AP

    Submarino alemão da Primeira Guerra Mundial foi descoberto na costa da Bélgica

    Submarino alemão da Primeira Guerra Mundial foi descoberto na costa da Bélgica

Um século depois de ser abatido provavelmente por uma mina, um submarino da Marinha alemã utilizado durante a Primeira Guerra Mundial foi encontrado praticamente intacto na costa da Bélgica. Acredita-se que, dentro dele, estejam os corpos de 23 combatentes alemães.

Tomas Termote/Handout via Reuters
Imagens mostram que submarino permanece fechado a uma profundidade de 30 metros

A descoberta foi confirmada pelo governador da província de Flanders Ocidental, Carl Decaluwe, que disse à agência de notícias "Associated Press" que o achado é "único". De acordo com ele, houve um dano na parte frontal do submarino, que continua com as escotilhas fechadas.

Os belgas não informaram a localização exata do submarino, com medo de eventuais saques. Mas já se sabe que o veículo é um UB-II, de 27 metros de comprimento e seis de largura, que tinha a capacidade para 22 marinheiros e um comandante. Ele está tombado em um ângulo de 45 graus, a uma distância de 25 a 30 metros da superfície.

Durante a Primeira Guerra Mundial, a Marinha da Alemanha levou cerca de 18 submarinos para a cidade belga de Bruges, a bordo da flutuadora Flanders, entre 1915 e 1918. Destes, 13 foram destruídos e o submarino encontrado em 2017 é o 11º a ser localizado. De acordo com as autoridades belgas, é também o mais bem conservado.

Acredita-se que o submarino tenha sido atingido por uma mina presa a um cabo, artifício usado para tentar abater este tipo de veículo militar. Os belgas já estão em contato com autoridades alemãs para definir o que fazer com o submarino, uma vez que, dentro dele, há restos mortais de soldados alemães.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos