Topo

Rei da eSwatini gasta R$ 70 milhões em 139 carros de luxo para esposas

Mswati III comprou 19 carros da Rolls Royce e pelo menos 120 BMW; opositores criticaram gastos - Ludovic Marin/AFP
Mswati III comprou 19 carros da Rolls Royce e pelo menos 120 BMW; opositores criticaram gastos Imagem: Ludovic Marin/AFP

Do UOL, em São Paulo

12/11/2019 13h42

Resumo da notícia

  • Mswati III, da antiga Suazilândia, comprou pelo menos 139 carros para suas esposas
  • Entre modelos de Rolls Royce e BMW, rei gastou cerca de R$ 70 milhões
  • Gastos da família real provocaram a fúria de movimentos opositores
  • Monarca não se manifestou a respeito da compra de carros de luxo

O rei Mswati III, de eSwatini (antiga Suazilândia), criou grande polêmica em seu país ao determinar a compra de pelo menos 139 carros de luxo para suas 14 esposas. A informação foi divulgada na última semana pelo jornal Times, da África do Sul.

Os 19 Rolls Royce e as pelo menos 120 BMW custaram cerca o equivalente a R$ 70 milhões e foram enviados ao país no começo de novembro. Segundo o jornal inglês Daily Mail, testemunhas avistaram modelos BMW X3 e BMW Série 5 pelas ruas da capital legislativa do país, Lobamba, onde mora a corte.

O Movimento Democrático Popular Unido (Pudemo) reagiu com críticas ao monarca, especialmente aos baixos salários pagos a servidores públicos e aos gastos excessivos da realeza local.

"Os funcionários do setor público não recebem aumentos de salários há três anos, e o sistema de saúde está totalmente colapsado", disse Wandile Dludlu, secretário-geral do Pudemo, em comunicado oficial.

"Ele basicamente está mostrando um dedo do meio e provando a todos que ele tem uma lei própria", completa.

A família real de eSwatini não se manifestou a respeito do caso.

Internacional