PUBLICIDADE
Topo

Melhor IDH do mundo é da Noruega, e o pior é de Níger; veja o ranking

Dique da Vila Gilda, maior favela de palafitas em Santos (SP), onde moram ao menos 6 mil famílias - Flavio Moraes/UOL
Dique da Vila Gilda, maior favela de palafitas em Santos (SP), onde moram ao menos 6 mil famílias Imagem: Flavio Moraes/UOL

Ana Carla Bermúdez e Constança Rezende

Do UOL, em São Paulo e em Brasília

09/12/2019 02h01

Resumo da notícia

  • Relatório do Pnud traz IDH de 189 países
  • Noruega lidera o ranking e Níger tem o pior índice
  • Brasil aparece na 79ª posição, empatado com a Colômbia

O IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) do Brasil em 2018 teve um crescimento pífio em relação ao ano anterior e o país perdeu uma posição no ranking entre os 189 países e territórios analisados pelo Pnud (Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento). O relatório mundial foi divulgado hoje.

Com o IDH de 0,761, o Brasil fica em 79º no mundo e em 4º na América do Sul —nas duas posições, o país fica empatado com a Colômbia. No continente sul-americano, Chile, Argentina e Uruguai estão à frente, nessa ordem.

Em 2017, o Brasil ocupou o 78º posto no ranking. Considerando o período entre 2013 e 2018, o país perdeu três posições na lista.

Os dados são de 2018 e, portanto, não dizem respeito à gestão de Jair Bolsonaro (sem partido), que assumiu a Presidência em 2019.

Veja, abaixo, o ranking completo.

Internacional