PUBLICIDADE
Topo

Trump diz que vai invocar Ato de Produção de Defesa devido ao coronavírus

Jonathan Ernst/Reuters
Imagem: Jonathan Ernst/Reuters

Do UOL, em São Paulo

18/03/2020 14h13

O presidente norte-americano, Donald Trump, disse hoje que está invocando o Ato de Produção de Defesa para uso contra a pandemia do novo coronavírus, colocando em vigor uma lei que permitirá ao governo dos Estados Unidos acelerar a produção dos equipamentos necessários.

Trump também disse que um navio-hospital será enviado para Nova York, para ajudar as pessoas afetadas pelo contágio, e que um segundo navio-hospital será enviado para a costa oeste.

O presidente também disse que o Departamento de Habitação e Desenvolvimento Urbano suspenderá execuções hipotecárias e despejos até abril, enquanto um número crescente de americanos enfrenta a perda de empregos e a falta de pagamentos de aluguel e hipoteca.

Os anúncios chegaram em um dia agitado. O Senado discute um um pacote de ajuda financeira enquanto o governo avança com seu plano de alívio econômico.

O Ato de Produção de Defesa oferece ao presidente um amplo conjunto de medidas para moldar a base industrial doméstica, de modo que seja capaz de fornecer materiais e bens essenciais necessários em uma crise de segurança nacional.

A lei permite que o presidente exija que as empresas e corporações priorizem e aceitem contratos para os materiais e serviços necessários. Ele também permite que o presidente forneça incentivos para a base industrial doméstica expandir a produção e o fornecimento de materiais e bens críticos, de acordo com um relatório de 2 de março do Serviço de Pesquisa do Congresso.

*Com informações das agências AP e Reuters.

Coronavírus