PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus: EUA contabilizam 2,4 mil mortos e 140 mil casos, diz governo

Imagem da Times Square, em Nova York, esvaziada após a pandemia de coronavírus nos EUA - Eduardo Munoz/Reuters
Imagem da Times Square, em Nova York, esvaziada após a pandemia de coronavírus nos EUA Imagem: Eduardo Munoz/Reuters

Do UOL, em São Paulo

30/03/2020 15h21

O governo dos Estados Unidos confirmou que 2.405 pessoas já morreram por conta do coronavírus no país. Ao todo, mais de 140.904 pessoas foram diagnosticadas com a doença.

Os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dizem que há casos em 50 estados, no Distrito de Columbia, em Porto Rico, Guam e nas Ilhas Virgens.

Dos casos relatados pelo governo, 886 são relacionados a viagens, 2.351 são de contato próximo e a maioria, 137.667, ainda estão sob investigação.

Porém, segundo a CNN, a situação é ainda maior. A emissora afirmou, de acordo com sua pesquisa, que os EUA contam com 155.252 diagnósticos e 2.490 mortos.

Ontem, em entrevista coletiva realizada na Casa Branca, Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, acusou, sem provas, hospitais de acumularem respiradores, equipamentos vitais nas instalações médicas que tratam pacientes com coronavírus.

O presidente ainda solicitou que os equipamentos retidos pelos hospitais fossem liberados.

"Temos alguns profissionais de saúde, alguns hospitais acumulando equipamentos, incluindo ventiladores", disse o presidente. "Temos que liberar esses ventiladores — especialmente hospitais que nunca os usarão", completou.

Apesar da fala, Trump não disse quais hospitais e estados estão acumulando os respiradores nem mostrou evidências que apoiem suas acusações.

Coronavírus