PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus: imigrantes estão sendo expulsos dos EUA em cerca de 96 minutos

Do UOL

30/03/2020 22h09

Imigrantes que atravessam ilegalmente para os Estados Unidos estão sendo 'expulsos' para o México em cerca 96 minutos, em média, segundo disseram ao The Washington Post funcionários dos EUA com conhecimento das últimas estatísticas do governo.

Essa é uma medida emergencial de combate ao coronavírus em vigor na fronteira sul dos Estados Unidos.

Dentro das novas regras, segundo o jornal norte-americano, os agentes dos EUA estão processando migrantes do México, Guatemala, El Salvador e Honduras "no campo", antes de poderem pôr os pés dentro de uma estação de Patrulha de Fronteira dos EUA. Os imigrantes são levados de volta para a fronteira e enviados para o México.

Enquanto estão sob custódia, os imigrantes não recebem exames médicos — essa é uma das razões pelas quais os agentes podem enviá-los de volta ao México, segundo um funcionário da Alfândega e Proteção de Fronteiras.

Os mexicanos representam cerca de 60% dos detidos e os imigrantes dos países do "Triângulo do Norte" da América Central respondem por cerca de 26%, o que significa, segundo cálculos do Washington Post, que os agentes estão enviando mais de 85% dos migrantes que detêm de volta ao México.

Coronavírus