PUBLICIDADE
Topo

Por coronavírus, Merkel rejeita convite de Trump para cúpula do G7 nos EUA

17.mar.2017 - A primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, recusou o convite do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para participar da cúpula do G7 - Jim Bourg/Reuters
17.mar.2017 - A primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, recusou o convite do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para participar da cúpula do G7 Imagem: Jim Bourg/Reuters

Do UOL, em São Paulo

30/05/2020 07h47

A primeira-ministra da Alemanha, Angela Merkel, recusou o convite do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para participar da cúpula do G7, que reúne as sete principais economias do planeta por causa da pandemia do novo coronavírus.

"A chanceler agradece ao presidente Trump por seu convite à cúpula do G7 no final de junho em Washington. Hoje, considerando a situação geral da pandemia, ela não pode concordar com sua participação pessoal, em uma viagem a Washington ", diz um comunicado do porta-voz do governo alemão, Steffen Seibert, divulgado pelo site Politico.

Em março, Trump havia cancelado a cúpula do G7 que aconteceria em Camp David, perto de Washington, devido à crise do coronavírus. Na ocasião, a Casa Branca anunciou que o evento seria realizado por videoconferência.

Na última terça-feira, no entanto, o governo norte-americano informou que Trump acredita que não haveria "maior exemplo de reabertura" do que realizar a reunião no país perto do final de junho.

"Queremos ver isso acontecer, achamos que vai acontecer e até agora os líderes estrangeiros estão muito de acordo com a ideia", disse a repórteres a porta-voz da Casa Branca, Kayleigh McEnany.

Os Estados Unidos registram o maior número de casos de covid-19 no mundo: são oficialmente 1.745.636 casos. Já o número de óbitos chegou ontem a 102.798.

Coronavírus