PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Esse conteúdo é antigo

Maioria nos EUA diz que Trump se infectou por não levar covid-19 a sério

Do UOL, em São Paulo

04/10/2020 08h55

Dois em cada três americanos acreditam que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, não contrairia covid-19 caso tivesse levado a pandemia mais a sério. Pesquisa Reuters-Ipsos divulgada hoje aponta que essa é a opinião de 65% dos entrevistados. O republicano, que se encontra em meio à disputa pela reeleição, está em um hospital militar e há dúvidas sobre seu real estado de saúde.

Realizado entre 2 e 3 de outubro, o levantamento divulgado pela agência Reuters consultou 1.005 americanos. Deles, 57% desaprovam a resposta de Trump à pandemia, três pontos a mais do que a pesquisa do último final de semana.

Trump repetidamente rejeitou a gravidade da pandemia como algo que desapareceria por conta própria. Ele chegou a criticar seu adversário, o democrata Joe Biden, pelo uso de máscara.

Apenas cerca de um terço dos americanos, 34%, acreditam que Trump dizia a verdade sobre a pandemia do novo coronavírus, enquanto, para 55%, ele não informava o real cenário do surto. 11% não tinham certeza sobre o tema.

A pesquisa também apontou a liderança de Biden foi ampliada na corrida pela Casa Branca. Entre os adultos que devem votar nas eleições de 3 de novembro, a pesquisa descobriu que 51% apoiavam Biden, enquanto 41% disseram que votavam em Trump. Outros 4% estavam escolhendo um candidato de terceiros e outros 4% disseram que estavam indecisos.

Ainda sobre a eleição, 67% dos entrevistados querem interromper comícios de campanha e 59% pensam que os debates presidenciais devem ser adiados até que Trump se recupere do coronavírus.

(Com Reuters)

Coronavírus