PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
3 meses

Cabeça de porco é deixada em frente à casa de presidente da Câmara dos EUA

02.01.2021 -- Cabeça de porco e pichação na casa de Nancy Pelosi em São Francisco - Reprodução
02.01.2021 -- Cabeça de porco e pichação na casa de Nancy Pelosi em São Francisco Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

02/01/2021 17h03

Os portões da casa da presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, a democrata Nancy Pelosi, amanheceram pichados na primeira manhã do ano, na cidade de São Francisco, de acordo com a rede de TV ABC. Em frente a eles, havia uma cabeça de porco decapitada e sangue falso, ainda de acordo com a ABC.

Pelosi, que estava em Washington, onde fica o Congresso americano, não comentou o ocorrido. A polícia investiga quem foram os responsáveis.

"$2 mil. Cancele os aluguéis. Nós queremos tudo", dizia a pichação. Acredita-se que a mensagem seja uma referência ao pagamento de um benefício emergencial a cidadãos americanos.

Em 20 de dezembro, o Congresso americano aprovou um pacote de estímulo à economia, que prevê, entre outros, uma parcela única de US$ 600 para quem ganha até US$ 75 mil por ano. O presidente Donald Trump sancionou o pacote, mas reclamou que o valor de US$ 600 era baixo demais.

Já no dia 28 de dezembro, a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou um valor mais alto, de US$ 2.000. Agora, a proposta precisa ser votada no Senado.

Nancy Pelosi e outros líderes democratas apoiaram o aumento de US$ 600 para US$ 2.000. Por isso, não está claro o motivo do ataque à casa de Pelosi.

Já líderes republicanos divergiram de Trump, ele próprio republicano, e se colocaram contrários ao aumento. Neste sábado (02), a casa do senador republicano Mitch McConnell também amanheceu pichada com as frases "Onde está meu dinheiro?" e "Mitch mata pobres".

Errata: o texto foi atualizado
A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos aprovou o valor de US$ 2.000 para o auxílio, e não R$ 2.000

Internacional