PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Gato pega pombo e faz 'Sr. Pombo' interromper reunião governamental no Zoom

Políticos quebraram o decoro e caíram na gargalhada com situação de duplo sentido - Reprodução/Twitter/Huffington Post
Políticos quebraram o decoro e caíram na gargalhada com situação de duplo sentido Imagem: Reprodução/Twitter/Huffington Post

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/02/2021 09h31

Um homem chamado Colin Pidgeon - Colin Pombo, em uma tradução literal - precisou interromper uma reunião do governo da Irlanda do Norte, via Zoom, ontem, pois o gato dele pegou um pombo no jardim e levou "de presente" para ele.

O oficial de pesquisa, Sr. Pidgeon, notou que seu gato trouxe o pássaro vivo para o escritório, onde ele estava debatendo com autoridades sobre as finanças públicas na Irlanda do Norte. Ele rapidamente se moveu para pegá-lo e foi visto na câmera segurando o pássaro.

A situação não passou desapercebida na audiência, um dos integrantes da reunião logo anunciou: "Colin Pidgeon pegou um pombo". A reação dos outros com a situação de duplo sentido, não poderia ser diferente, foi uma quebra de decoro, com gargalhadas e piadas sobre a situação.

"Isso é muito mais interessante", brincou um dos políticos que estava presencialmente na reunião. Outro integrante foi mais ácido e disse: "Nós sabemos que tipo de sopa você vai comer essa noite."

O "Sr. Pombo" logo pediu desculpas pelo imprevisto ocasionado pelo gato dele, e recebeu autorização para sair da sessão e liberar o pombo. O pássaro não se feriu gravemente com a mandíbula do felino e conseguiu sair voando, conforme relatado por Colin ao jornal Metro.

Após a história correr a mídia internacional, Colin revelou que adora o animal homônimo ao seu sobrenome e que tem até um tapete de entrada com o desenho de um pombo em sua casa. Ele ainda divulgou uma foto do gato arteiro, que causou todo o rebuliço na reunião governamental.

Internacional