PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Túmulo desaba e coveiro morre ao ser enterrado vivo em cemitério nos EUA

Um trabalhador de cemitério morreu ao ser atingido por um túmulo no Washington Memorial Park, em Nova York - Reprodução/WNBC
Um trabalhador de cemitério morreu ao ser atingido por um túmulo no Washington Memorial Park, em Nova York Imagem: Reprodução/WNBC

Colaboração para o UOL, em São Paulo

26/02/2021 10h45

Um coveiro morreu na manhã de ontem em um cemitério depois que um túmulo que o trabalhador estava cavando desabou e o enterrou vivo. O caso ocorreu no Washington Memorial Park, em Long Island, Nova York, nos Estados Unidos.

Na ocasião do acidente, Rodwin Allicock, de 42 anos, estava dentro de uma cova de dois metros de profundidade "tentando nivelar o fundo" quando as laterais do buraco desabaram, segundo a 9News.

Diante do desespero ao verem o coveiro ser soterrado, colegas tentaram desenterrá-lo, mas não tiveram sucesso, de acordo com comunicado da polícia do Condado de Suffolk.

Os trabalhadores acionaram então o número de emergência da polícia — 911, nos Estados Unidos — para que o funcionário fosse resgatado. Uma equipe de resgate foi diretamente até o cemitério.

Porém, já era tarde para salvá-lo. Rodwin foi declarado morto no local por um médico assistente do Gabinete do Centro Médico do Condado de Suffolk, informou a ABC7.

O incidente está sendo investigado pela polícia local e pela agência do governo norte-americano OSHA (Administração de Segurança e Saúde Ocupacional).

Internacional