Conteúdo publicado há 5 meses

Nove pessoas ficam feridas em ataque com substância química em Londres

Nove pessoas ficaram feridas após um homem jogar uma substância supostamente corrosiva na direção de uma mãe e duas crianças, na noite desta quarta-feira (31), no sul de Londres.

O que aconteceu

Mulher e crianças estavam em um carro quando foram atacadas pelo homem. A suspeita é de que o agressor jogou ácido nas vítimas. As informações são do jornal The Guardian.

Três pessoas que passavam pelo local e três policiais que atuavam na ocorrência também ficaram feridos. A Polícia Metropolitana foi chamada à Avenida Lessar, Clapham, por volta das 19h25 (horário local).

Todas as nove vítimas foram levadas ao hospital. O detetive superintendente Alexander Castle classificou o caso como "incidente horrível". Castle disse que os ferimentos dos policiais são considerados leves. Ele acrescentou que testes estão em andamento para determinar o que causou os ferimentos, mas "neste estágio acreditamos que seja uma substância corrosiva".

O agressor fugiu. Buscas estão sendo feitas com ajuda de um helicóptero. O suspeito foi identificado na quinta-feira (1º) como Abdul Ezedi, de 35 anos. A Polícia Metropolitana informou que o homem foi visto pela última vez na área de Caledonian Road, no norte de Londres. A corporação acredita que ele pode ter viajado do nordeste da Inglaterra para realizar o ataque e que o homem possa conhecer a mulher que foi atacada com as crianças.

Uma testemunha disse que tentou limpar o produto químico do rosto da mulher. Em entrevista à Sky News, ela relatou que foi a pior cena que já viu. "Foi horrível. Primeiro, um homem retirou a filha, uma menina de dois ou três anos, de um carro branco. Ele a jogou no chão duas vezes! Foi a pior coisa que já vi. O homem então jogou algo na mulher. Ela estava gritando, 'Meus olhos! Meus olhos!'".

Deixe seu comentário

Só para assinantes