PUBLICIDADE
Topo

Meio Ambiente

Leonardo DiCaprio se soma à iniciativa para restaurar Ilhas Galápagos

18/05/2021 00h57

Quito, 17 mai (EFE).- O ator Leonardo DiCaprio, a Direção do Parque Nacional de Galápagos e as organizações Island Conservation e Re:wild, anunciaram o investimento de US$ 40 milhões para apoiar a restauração das Ilhas Galápagos, no Equador, com base em décadas de esforços locais de conservação.

A iniciativa visa reunir apoio público e privado, incluindo governos, fundações, indivíduos, empresas e organizações, para enfrentar ameaças a Galápagos, segundo disse o Ministério do Ambiente e da Água do Equador em comunicado divulgado nesta segunda-feira.

"Estes tipos de parcerias que tiram partido das inovações técnicas, sociais e financeiras são exatamente o que precisamos em todo o mundo para restaurar a saúde do nosso planeta", disse Marcelo Mata, ministro do Ambiente e da Água equatoriano.

"No Equador, um dos 17 países mais biodiversos do planeta, temos a oportunidade de demonstrar o que é um modelo verdadeiramente eficaz para proteger e restaurar nossa vida selvagem e áreas selvagens, o sistema imunológico do nosso planeta, protegendo toda a vida na Terra, incluindo as pessoas, dos efeitos das alterações climáticas e das doenças", destacou.

Segundo Mata, esta iniciativa é uma grande oportunidade para Galápagos ser líder mundial na reconstrução, proteção e restauração dos recursos naturais "não só para o povo do Equador, mas para o povo do mundo".

Já Henry Cobos, prefeito da ilha de San Cristobal, expressou sua esperança de que esta iniciativa também inspire a comunidade global, incluindo filantropos, líderes mundiais e indivíduos em todo o mundo, "a ajudar-nos no nosso esforço de reconstruir o berço da evolução do planeta".

A organização Re:wild escolheu Paula Castaño, especialista em restauração de ilhas e membro da equipe da Island Conservation, como porta-voz da iniciativa na América Latina.

Castaño, juntamente com a Direção do Parque Nacional de Galápagos, conduz ações para reintroduzir espécies ameaçadas nos seus habitats naturais, que a partir de agora serão amplificadas através das redes sociais do ator Leonardo DiCaprio, para atrair a atenção internacional e recursos para promover a iniciativa.

"Quando viajei para as Ilhas Galápagos, encontrei Paula Castaño e outros heróis ambientais no Equador, trabalhando dia após dia para salvar um dos lugares mais emblemáticos do planeta", declarou DiCaprio, de acordo com o comunicado do ministério equatoriano.

O ator acrescentou ainda que está entusiasmado em compartilhar o trabalho de equipe de Castaño e apoiar "o esforço que estão fazendo para proteger e restaurar estas ilhas icônicas".

Nesse sentido, Castaño advertiu que "o tempo está se esgotando para muitas espécies, especialmente em ilhas onde suas pequenas populações são vulneráveis e ameaçadas".

A Re:wild é uma nova organização ambiental global lançada hoje para ajudar a construir um mundo em equilíbrio com a natureza, começando pelo seu primeiro grande compromisso, com as Ilhas Galápagos, e estendendo a missão a outros arquipélagos do Pacífico latino-americano, como no México e no Chile.

Segundo o ministério equatoriano, Leonardo DiCaprio é um membro fundador do conselho de administração da organização.

Meio Ambiente