Pedro Ladeira/Folhapress

CPI do Cachoeira

Casal de parlamentares que jantou com Cavendish continua a integrar CPMI do Cachoeira

Luciana Lima

Da Agência Brasil, em Brasília

O presidente da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), negou hoje (26) um pedido do senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) para que os parlamentares avaliassem a presença do senador Ciro Nogueira (PP-PI) e da mulher dele, a deputada Iracema Portella (PP-PI), na comissão.

Os dois admitiram que se encontraram com o empresário Fernando Cavendish, ex-diretor da empresa Delta Construções, durante a Semana Santa, em Paris. A Delta é apontada pela Polícia Federal como integrante da organização criminosa comandada pelo empresário goiano Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira.

"Embora o senador e a deputada admitam manter relação de amizade com Fernando Cavendish, não há prova de que seja amizade íntima", disse o presidente ao negar o pedido feito pelo senador do PSOL.

Diante da decisão, Randolfe informou que vai recorrer ao plenário do Senado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos