PUBLICIDADE
Topo

Política

Possível candidato, Datena se acha péssimo político e chamou Serra de avião

O apresentador Datena em entrevista ao programa "UOL Vê TV" (24/10/12) - UOL
O apresentador Datena em entrevista ao programa "UOL Vê TV" (24/10/12) Imagem: UOL

Márcio Padrão

Do UOL, em São Paulo

25/07/2015 06h00

Além de apresentador do telejornal "Brasil Urgente", da Band, José Luiz Datena costuma flertar com a política em seus comentários em entrevistas e em seu programa. Segundo o colunista do UOL Flávio Ricco, mais uma vez ele teria recebido convite de partidos políticos para se candidatar a prefeito de São Paulo nas eleições de 2016. Reportagem da "Folha de S. Paulo" aponta o PSDB, o PP e o PSB como os possíveis partidos que fizeram o convite.

Não é a primeira vez que Datena recebe esse tipo de proposta. Em 2011, circularam notícias de que Datena teria recebido convite para concorrer à Prefeitura de São Paulo no ano seguinte, mas nunca foram confirmadas oficialmente pelo apresentador. Esta seria a primeira vez em que ele teria se mostrado disposto a encarar a "mudança de carreira". "Realmente fui sondado e passei a analisar se vale a pena ou não. Está tudo tão ruim que estou propenso a aceitar", disse Datena a Ricco.

Com seu estilo direto, o apresentador já fez muitos comentários sobre política e administração pública ao longo dos anos. Também já entrevistou políticos e candidatos em seu programa, como José Serra, Dilma Rousseff, Geraldo Alckmin e Fernando Haddad. Serra foi um dos mais assíduos do programa, chegando a ser entrevistado duas vezes por Datena no período de dois meses.

O UOL reviu revelações de Datena a favor da redução da maioridade penal, de leis mais duras contra a corrupção, de penas maiores para acusados de violência, contra manifestações populares que envolvam depredação e contra o sistema comunista. Além disso, mostrou diversas vezes descrença nos políticos brasileiros e até nele mesmo em um provável cargo do tipo. "Eu não teria capacidade nenhuma para ser um bom político", disse em 2012.

Veja abaixo algumas das frases políticas do apresentador.

Datena e a política

Política