Não sabia de corrupção no PT, era um vice decorativo, diz Temer

Do UOL, em São Paulo

O presidente Michel Temer disse nesta quarta-feira (21) que não sabia nada sobre "a corrupção no PT" na época em que era vice-presidente porque não tinha participação no governo, era apenas um "vice decorativo".

Em entrevista coletiva em Nova York, Temer foi questionado sobre se, quando era vice-presidente de Dilma Rousseff, sabia "de toda a corrupção do PT".

"Não sabia. Vocês sabem que eu não tive participação no governo. Um dia eu mesmo me rotulei de vice-presidente decorativo porque eu não tinha participação. Não acompanhava nada disso", respondeu.

Temer se referia a uma carta que ele enviou à então presidente Dilma no final do ano passado. No texto, que foi um dos primeiros sinais de ruptura com o PT, ele dizia que passou "os quatro primeiros anos de governo como vice decorativo".

Apesar das declarações do peemedebista, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ainda vai julgar uma ação que pede a cassação da chapa de Dilma-Temer, eleita na disputa presidencial de 2014.

Na ação, o PSDB defende que Dilma e Temer cometeram abuso de poder político e econômico e teriam tido a campanha à reeleição abastecida com recursos desviados da Petrobras.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos