PUBLICIDADE
Topo

Bolsonaro: Mourão é 'tosco' e pode 'ficar à vontade' por não ser demissível

Siga o UOL no

Do UOL, em São Paulo

27/03/2020 17h21

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) declarou hoje, em entrevista ao Brasil Urgente, na TV Bandeirantes, que o seu vice-presidente, Hamilton Mourão (PRTB-RS), é o único que não pode ser demitido do governo.

Bolsonaro ainda falou, em tom de brincadeira, que Mourão é mais "tosco" que ele pelo jeito bruto.

"Com todo o respeito ao Mourão, ele é muito mais tosco do que eu. Não é porque é gaúcho não. Alguns falam que eu sou até muito cordial perto do Mourão. Ele é o único que não é demissível no governo, então pode ficar à vontade", afirmou o presidente.

Briga com Doria

Na última quarta-feira, um dia após o presidente se posicionar em rede nacional contra medidas de quarentena, Mourão afirmou que a posição do governo para combater a pandemia da covid-19 "é uma só" e continua sendo o isolamento e distanciamento entre as pessoas.

Mourão ainda admitiu, em entrevista ontem para a CNN, ter ficado constrangido ao presenciar a discussão entre Bolsonaro e o governador de São Paulo, João Dória (PSDB), durante videoconferência entre o presidente e governadores sobre o novo coronavírus.

O vice, que estava ao lado de Bolsonaro, negou, porém, que tenha reprovado a reação do presidente.

"O que me constrangeu foi a discussão levantada naquele momento. Seja pelo próprio governador, seja pelo presidente. Tudo aquilo poderia ter sido evitado e a gente podia ter se concentrado na busca pela solução dos problemas atuais", disse o vice-presidente à CNN Brasil.

Em conversa com a imprensa na noite de ontem, Bolsonaro, apesar de elogiar o vice, reagiu sobre a declaração de Mourão sobre apoiar o isolamento: "O presidente sou eu".

"O presidente sou eu, pô. O presidente sou eu. Os ministros seguem as minhas determinações. E o Mourão tem ajudado bastante, colaborado, dado opiniões, é uma pessoa que está do meu lado ali. É o reserva de vocês se eu empacotar aí, vocês vão ter que engolir o Mourão. É uma boa pessoa, podem ter certeza", declarou.

Siga o UOL no

Política