PUBLICIDADE
Topo

Manifestantes pró-Bolsonaro fazem protesto contra Doria no Pacaembu

Felipe Pereira

Do UOL, em São Paulo

27/03/2020 15h01

Cerca de 50 pessoas foram até a porta do estádio do Pacaembu na tarde de hoje para um protesto contra o governador João Doria (PSDB). Os manifestantes exigiram o fim da quarentena horizontal e a implementação da vertical - modelo em que apenas o grupo de risco fica isolado.

Com bandeiras do Brasil, som alto e gritos de ordem contra o governador e contra a imprensa, os manifestantes fizeram uma carreata que saiu do Tatuapé, na Zona Leste da capital, até o estádio, local onde Doria concedeu entrevista coletiva nesta tarde. O protesto ocorre após o Governo Federal divulgar um vídeo com a hashtag #OBrasilNãoVaiParar. Nas imagens, é possível ver uma carreata. Outras cidades pelo país também aderiram ao movimento, como Porto Alegre-RS e Jacareí-SP.

O motoboy Alexandre Neves, de 41 anos de idade, foi ao Pacaembu com uma camiseta pedindo a implementação do artigo 142 da Constituição Federal, que, no entender dele, invoca as Forças Armadas para defesa da pátria.

Ataques à mídia

Os manifestantes também também usaram palavras de ordem contra a imprensa brasileira. "Globo lixo, CNN comunista e Jovem Putin" foram alguns dos termos utilizados. Questionados pela reportagem do UOL, eles disseram que só se informam por Twitter e Whatsapp.

Coronavírus