PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus: McDonald's fecha 300 restaurantes na China após surto

McDonald"s  - Reprodução
McDonald's Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

29/01/2020 19h18

O McDonald's anunciou hoje que fechou 300 restaurantes na China por conta do coronavírus e montou uma força-tarefa para ajudar as autoridades a deter o surto. A companhia disse que está providenciando refeições para os trabalhadores que estão cuidando dos infectados em hospitais do país.

Embora o McDonald's não tenha aberto um restaurante na China até 1990, o país se tornou um dos maiores mercados da companhia, com cerca de 3.300 restaurantes e 1.500 outros planejados até 2022.

O consumo na China representa 10% de tudo o que é vendido pelo McDonald's no mundo. "A China é um mercado crítico para nós e estamos muito preocupados com a situação", disse o executivo-chefe, Chris Kempczinski.

Diversas multinacionais já previram um impacto financeiro com o surto da doença, caso do Starbucks, que foi obrigado a fechar quase metade das mais de 4 mil lojas espalhadas pela China.

Em todo mundo são 6.065 casos de coronavírus, com 132 mortes, a maioria na China, segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde). A organização corrigiu o nível de alerta para "muito alto na China", "alto" em nível regional e no resto do mundo.

Hoje, o Ministério da Saúde que chegou a nove o número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil, sendo três no estado de São Paulo. Segundo a pasta, não há nenhum caso confirmado no país até o momento.

Saúde