PUBLICIDADE
Topo

Isolamento em São Paulo volta a cair e atinge 53%

Ciclista utiliza máscara de proteção para o coronavírus na Avenida Paulista, em São Paulo - Fábio Vieira/Fotorua/Estadão Conteúdo
Ciclista utiliza máscara de proteção para o coronavírus na Avenida Paulista, em São Paulo Imagem: Fábio Vieira/Fotorua/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

03/05/2020 14h04

O governo de São Paulo anuncia que, ontem, o isolamento social no estado foi de 53%. Mais pessoas saíram no sábado do que no feriado de sexta-feira (1), quando o número chegou a 56%.

O índice é calculado pelo Sistema de Monitoramento Inteligente (SIMI-SP) do governo de São Paulo, que utiliza dados de celular de 104 cidades com mais de 70 mil habitantes.

Apesar da queda, o índice de isolamento do sábado ainda é maior do que de quinta-feira (30), quando o estado registrou o índice mais baixo desde o início da quarentena, com apenas 46% dos habitantes em isolamento social.

A meta do governo é uma taxa de 60%. No entanto, o ideal para evitar o colapso do sistema de saúde, é 70%. A quarentena está em vigor desde o dia 24 de março e tem validade até 10 de maio.

O governador João Doria (PSDB) já afirmou que, se o índice de isolamento social continuar baixo, a quarentena precisará ser estendida — em especial na região metropolitana. Nesse período, apenas os serviços essenciais devem funcionar nos 645 municípios paulistas.

Coronavírus