PUBLICIDADE
Topo

Saúde

Conteúdo publicado há
1 mês

Anvisa decide amanhã sobre pedido de uso emergencial da CoronaVac

Membros da Anvisa autorizaram no último domingo (17) as primeiras vacinas contra covid-19 no Brasil - Divulgação/Anvisa
Membros da Anvisa autorizaram no último domingo (17) as primeiras vacinas contra covid-19 no Brasil Imagem: Divulgação/Anvisa

Do UOL, em São Paulo

21/01/2021 21h28

A Diretoria da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) vai se reunir amanhã às 15h para decidir sobre o segundo pedido de uso emergencial para a vacina CoronaVac.

De acordo com a Agência, a reunião poderá ser acompanhada por transmissão ao vivo pela internet. Ela deve durar cerca de duas horas.

O pedido que será analisado na reunião de amanhã se refere à autorização de uso emergencial das doses da CoronaVac produzidas pelo Instituto Butantan no Brasil. As vacinas que foram autorizadas no último domingo (17) e que estão sendo utilizadas em todo o Brasil foram importadas prontas da China.

Neste pedido estão incluídas 4,8 milhões de doses da vacina que já estão prontas. Segundo o governo de São Paulo, a solicitação engloba também a produção de outras 35 milhões de doses.

O pedido foi feito na última segunda-feira (18). Diretores da Anvisa já haviam informado que o processo de autorização das novas doses deveria ser mais rápido do que o anterior, uma vez que boa parte das informações se repetem.

Saúde