PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Conteúdo publicado há
15 dias

Governador do Tocantins anuncia a intenção de compra de doses da Sputnik V

Imagem ilustrativa da vacina Sputnik V
Imagem: Imagem ilustrativa da vacina Sputnik V

Colaboração para o UOL

09/04/2021 20h36

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse, anunciou na tarde de hoje, em seu Instagram, que assinou a intenção de compra de 1 milhão de doses da vacina russa Sputnik V. Na publicação, o chefe de estado disse que o investimento custou mais de R$ 70 milhões de reais. Vale lembrar que a vacina ainda não foi aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para uso emergencial.

Na próxima semana, o órgão iniciará uma inspeção para verificar as boas práticas de fabricação da produção das doses da Rússia.

De acordo com o comunicado da Anvisa, a missão tem como objetivo levantar dados a respeito da produção da vacina "para a avaliação do uso emergencial como para o processo de importação excepcional para o Brasil".

A inspeção irá acontecer em duas fábricas diferentes. A primeira ocorre nos dias 15 a 21 de abril com três servidores da Anvisa na fábrica responsável pela produção do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) e da vacina finalizada.

Em março, o governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) assinou contrato para a aquisição de 4.582.861 doses do imunizante, com expectativa de recebimento do produto no início deste mês.

A Sputnik V já foi aprovada e está sendo utilizada em diversos países da América do Sul, como Argentina, Bolívia, Paraguai e Venezuela.

No pedido, o Maranhão cita uma decisão do ministro Ricardo Lewandoswki que autoriza estados e municípios a importarem qualquer vacina contra covid-19 que tenha registro nas principais agências reguladoras internacionais.

Coronavírus