Febre hemorrágica de 'origem indeterminada' causa 13 mortes na RDCongo

Em Wellington

  • Reprodução/News.co.nz

    Rory, um gato de pelo avermelhado, ficou doente após ingerir veneno contra ratos

    Rory, um gato de pelo avermelhado, ficou doente após ingerir veneno contra ratos

KINSHASA, 22 Ago 2014 (AFP) - Treze pessoas morreram vítimas de uma febre hemorrágica "de origem indeterminada" desde o dia 11 de agosto no noroeste da República Democrática do Congo, país onde foi descoberto o vírus Ebola, cuja atual epidemia já matou 1.350 no oeste da África, informou o ministério da Saúde.

"Treze pessoas faleceram desde 11 de agosto por uma febre hemorrágica que origem indeterminada. As treze pessoas mortas tiveram febre, diarreia, vômitos e, na fase terminal, vômitos de material escuro", revelou o doutor Félix Kabange Numbi.

No momento, "cerca de 80 pessoas que mantiveram contato" com as vítimas estão sendo atendidas, precisou Numbi.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos