Lufthansa suspende voos à Venezuela

Em Frankfurt (Alemanha)

  • Fredrik von Erichsen/EFE

A companhia aérea alemã Lufthansa anunciou neste domingo (29) a suspensão de seus voos à Venezuela devido à crise econômica e ao controle cambial em vigor no país, afetado pela queda dos preços do petróleo.

"Decidimos suspender a partir de 17 de junho os voos entre Frankfurt e Caracas até nova ordem", disse um porta-voz da companhia. A Lufthansa realiza atualmente três voos semanais à capital venezuelana.

"Esta decisão se deve à difícil situação econômica e ao fato de não ser possível transferir as divisas estrangeiras para fora do país", devido ao controle de câmbio que se introduziu nos últimos anos e que impede as empresas estrangeiras de converter suas receitas locais em dólares para depois repatriá-las, acrescentou o porta-voz.

A Venezuela dispõe das maiores reservas de petróleo do mundo, mas atualmente é afetada pela queda dos preços do petróleo, que fornece 96% das divisas. O governo tomou várias medidas de restrição de movimento de capitais.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos