Encontro do Dalai Lama e Lady Gaga irrita fãs chineses

Pequim, 27 Jun 2016 (AFP) - Os internautas chineses criticaram com dureza nesta segunda-feira a cantora Lady Gaga depois do encontro que ela teve com o Dalai Lama durante a conferência de prefeitos organizada no estado de Indiana, Estados Unidos.

A artista americana postou em seu Instagram uma foto mostrando o líder religioso budista dando a mão a ela, o que provocou uma onda de comentários hostis.

"Para os chineses, é como se estivesse dando a mão a Bin Laden", escreveu um usuário da rede social.

Para outro internauta, a iniciativa de Lady Gaga "é a prova de que se pode gostar e respeitar de um terrorista chinês".

Indagado pela AFP para falar sobre as consequências deste episódio nas relações entre Pequim e a cantora, Hong Lei, porta-voz do ministério chinês das Relações Exteriores, assegurou que não conhecia a artista.

bdh/ehl/rap/aoc/eg/cn

Facebook

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos