Polícia turca detém 13 suspeitos após atentado em Istambul

Em Istambul

A polícia turca deteve nesta quinta-feira (30) 13 pessoas, entre elas três estrangeiros, depois do triplo atentado suicida que matou 42 pessoas na terça-feira no aeroporto Ataturk de Istambul, informou a agência de notícias Anadolu.

As forças da polícia de Istambul realizaram uma operação simultânea em 16 domicílios da cidade, indicou a agência pró-governamental, sem informar a nacionalidade dos estrangeiros.

Um triplo atentado suicida abalou o centro nervoso da indústria aeroportuária e do turismo turco na noite de terça-feira.
 

IMAGENS FORTES - Câmera de segurança mostra explosão

  •  

Segundo uma autoridade turca, "é possível que ao menos um dos suicidas seja de nacionalidade estrangeira".

O jornal "Hurriyet" afirmou que um dos criminosos é Osman Vadimov, um checheno de origem russa.

O ataque contra o aeroporto internacional de Ataturk de Istambul, um dos mais movimentados da Europa, não foi reivindicado, mas as autoridades da Turquia apontam o grupo jihadista Estado Islâmico (EI), movimento acusado de ter cometido vários ataques mortíferos em solo turco desde o ano passado.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos