Blair prometeu seguir Bush independente do que acontecesse

Londres, 6 Jul 2016 (AFP) - O então primeiro-ministro britânico Tony Blair prometeu ao presidente americano George W. Bush segui-lo "aconteça o que acontecer", revela uma investigação oficial sobre a participação britânica na guerra do Iraque.

"Em 28 de julho (de 2002), Blair escreveu ao presidente Bush dando a garantia de que estaria com ele 'aconteça o que acontecer'", afirmou o diplomata John Chilcott, que coordenou a investigação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos