Ki-moon denuncia 'arrepiante' escalada do conflito em Aleppo

Nações Unidas, Estados Unidos, 24 Set 2016 (AFP) - O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, manifestou neste sábado (24) sua consternação com o "arrepiante" aumento dos combates em Aleppo, depois que o Exército sírio anunciou uma ofensiva há dois dias.

Ban advertiu que o uso de bombas de fragmentação e de outras armas avançadas contra civis pode constituir crimes de guerra.

Pelo menos 32 civis morreram hoje nos bairros rebeldes de Aleppo, devastados por uma chuva de bombas lançada pelas forças do governo sírio e seu aliado russo, após outro fracasso nas negociações entre Washington e Moscou para se obter uma trégua.

Antiga capital econômica e segunda maior cidade do país, Aleppo se transformou no principal foco da guerra na Síria e, por isso, é uma das localidades mais castigadas por um conflito que deixou mais de 300.000 mortos em cinco anos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos