Última ponte da cidade iraquiana de Mossul é destruída em bombardeio

Bagdá, 28 dez 2016 (AFP) - Um ataque aéreo deixou inutilizada a última ponte sobre o rio Tigre que unia o leste ao oeste de Mossul, segunda cidade do Iraque, e que o exército tenta retomar dos extremistas.

Depois da vasta ofensiva lançada em 17 de outubro, as forças armadas iraquianas conseguiram avançar e ocupar bairro da parte oriental da cidade que o grupo Estado Islâmico capturou em junho de 2014.

No entanto, a parte ocidental da cidade continua sob controle dos extremistas e Mossul é seu grande último reduto no Iraque.

Em sua ofensiva, a força aérea e as tropas terrestres são apoiadas por uma coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos.

O bombardeio - até agora de autoria desconhecida - destruiu a ponte Al Atiq, que atravessa o Tigre. Como outras pontes também foram destruídas, o barco passa a ser o único meio de atravessar de uma margem para outra.

str-sf/wd/gde/tp/age/mb/cn

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos