Mídia livre? Protesto em Nova York apoia imprensa frente a Trump

Em Noa York

  • Kena Betancur/AFP

Cerca de 250 pessoas se manifestaram neste domingo (26) em Nova York em apoio ao jornal "The New York Times" e outros meios de comunicação frente aos ataques do presidente americano, Donald Trump.

Apesar de Nova York, reduto democrata, registrar manifestações contra Trump desde a vitória do magnata do ramo imobiliário, esta é a primeira vez que se organiza um movimento para apoiar a imprensa, após uma semana marcada por ataques da Casa Branca a algumas das organizações mais poderosas do país, como o jornal nova-iorquino, o "Los Angeles Times" e a rede de TV CNN.

Os manifestantes se reuniram diante da sede do The New York Times, perto da Times Square, com cartazes mencionando a liberdade de imprensa garantida pela Constituição e adesivos na boca para simbolizar os veículos amordaçados.

"Cada vez que uma pessoa autoritária ou ditador toma o controle, reprime a imprensa, é a primeira coisa que fazem", assinalou Donna Marie Smith, professora aposentada, assinante do jornal há mais de 40 anos.

"A democracia não pode funcionar sem uma imprensa livre e independente, e é o que este governo tenta fazer: calá-la. Mas não permitiremos que isto aconteça", afirmou a advogada especializada em defesa dos direitos humanos Betsy Apple.

Kena Betancur/AFP

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos