Confrontos no Iêmen matam 27 combatentes

Adem, 24 Mar 2017 (AFP) - Ao menos 20 rebeldes huthis e sete soldados das forças pró-governamentais morreram nas últimas 24 horas em confrontos no sul do Iêmen, informou nesta sexta-feira uma fonte militar.

Os combates, que continuavam nesta sexta-feira à noite, começaram na quinta-feira no sul da província de Shabwa, segundo a fonte.

Este mês, esta província foi alvo de uma série de ataques aéreos americanos contra a Al-Qaeda na Península Arábica (AQAP).

A guerra que devasta o país opõe as forças leais ao presidente Abd Rabo Mansur Hadi, apoiadas pela coalizão árabe liderada pela Arábia Saudita, aos rebeldes huthis, uma minoria xiita do norte do país e apoiada pelo ex-presidente Ali Abdullah Saleh.

Os huthis controlam grandes áreas do país, incluindo a capital Sanaa.

A guerra no Iêmen já fez mais de 7.000 mortes desde março de 2015, segundo a ONU.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos