EUA pede para UE e Reino Unido dialogarem logo sobre Brexit

Washington, 28 Nov 2017 (AFP) - Os Estados Unidos disseram nesta terça-feira (28) que não querem interferir nas negociações sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, mas pediram para as duas partes tentarem resolver rapidamente o assunto.

"Os Estados Unidos vão manter sua antiga relação especial com o Reino Unido, mas ao mesmo tempo manterão uma forte relação com a UE, para além da solução do Brexit", disse o secretário de Estado, Rex Tillerson.

"Não tentaremos influenciar nas negociações, mas pedimos à UE e ao Reino Unido para desenvolverem processos rapidamente e sem asperezas desnecessárias", acrescentou.

A Grã Bretanha, maior aliado dos Estados Unidos na Europa, decidiu no ano passado em um referendo sair da UE.

Bruxelas deu a Londres o prazo até 4 de dezembro para mostrar avanços nas discussões sobre os compromissos adquiridos como sócio.

A UE disse que antes de discutir o futuro relacionamento, o Reino Unido deve resolver três assuntos espinhosos: a fatura da separação, a fronteira com a Irlanda e os direitos dos cidadãos da UE que vivem na Grã Bretanha.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos