Hamas alerta para fracasso de reconciliação com o Fatah

Gaza, Territórios palestinos, 21 dez 2017 (AFP) - Um líder do Hamas, o movimento islamita palestino no poder na Faixa de Gaza, advertiu nesta quinta-feira para um possível fracasso da reconciliação com o Fatah, a formação rival dirigida pelo presidente Mahmud Abbas.

"A reconciliação está afundando e todos devem intervir para salvá-la", afirmou Yahya Sinwar, líder do Hamas em Gaza durante um comício.

"Tomamos medidas importantes para alcançar a reconciliação e concordamos em muitas concessões, mas a reconciliação continua incerta", disse Sinwar.

O Hamas concordou em 12 de outubro com o retorno da Autoridade Palestina de Abbas a Gaza, de onde foi expulsa em 2007, e o estabelecimento de um governo de unidade.

No âmbito de um acordo patrocinado pelo Egito, o Hamas deveria transferir em 10 de dezembro o controle da Faixa de Gaza para a Autoridade Palestina internacionalmente reconhecida.

Mas este prazo venceu e os islamitas mantêm a maior parte do controle desse enclave.

Desde o acordo, a Autoridade Palestina assumiu a responsabilidade em 1 de novembro dos pontos de passagem com o Egito e Israel. Mas o Hamas manteve total autoridade sobre a polícia e agências de segurança.

Os líderes do Fatah acusam o Hamas de se recusar a desistir do poder, enquanto o Hamas lamenta que o Fatah não esteja realmente envolvido no processo de reconciliação.

Uma das principais questões não resolvidas é o futuro da ala militar do Hamas.

As Nações Unidas advertiram que o fracasso da reconciliação entre os dois principais movimentos palestinos poderia provocar novas tensões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos