Sanções dos EUA contra Rússia serão anunciadas nas próximas semanas, diz Tesouro

Washington, 23 Fev 2018 (AFP) - O secretário americano do Tesouro, Steve Mnuchin, anunciou nesta sexta-feira (23) que as sanções adicionais que a Casa Branca examina impor contra a Rússia poderiam ser anunciadas nas próximas semanas.

"Não quero sair daqui sem enfatizar que estamos trabalhando em sanções contra a Rússia", declarou Mnuchin durante um encontro com a imprensa que focou na Coreia do Norte.

"Posso assegurar a vocês que isso está em andamento", acrescentou, prometendo notícias "nas próximas semanas".

O Congresso americano aprovou sanções contra a Rússia, acusada pelos Estados Unidos de ter interferido nas eleições presidenciais de 2016. Mas o Tesouro se contentou, em 30 de janeiro, em publicar uma lista de 200 responsáveis russos, sem anunciar medidas punitivas imediatas.

A ausência de sanções concretas e somente a publicação da lista levantaram dúvidas sobre a vontade real do governo de Donald Trump de aplicá-las.

Sob condição de anonimato, funcionários de alto escalão da Presidência americana disseram nesta semana que formaram um grupo especial para controlar possíveis interferências nas eleições legislativas de 2018 e para trabalharem para introduzir novas sanções em resposta à campanha de Moscou em 2016.

jca/elm/rsr/lda/cb/ll

TESORO

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos