PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Estimativas mostram Al-Sissi reeleito no Egito com mais de 90% dos votos

29/03/2018 07h36

Cairo, 29 Mar 2018 (AFP) - O presidente egípcio Abdel Fattah Al-Sissi venceu a eleição com mais de 90% de votos, de acordo com as primeiras estimativas divulgadas pela imprensa estatal, mas o índice de participação ficou abaixo de 50%.

Os resultados oficiais serão anunciados na segunda-feira.

O jornal Al-Ahram afirma que Al-Sissi obteve 92% dos votos e que 23 milhões de pessoas compareceram às urnas, de um total de 60 milhões de eleitores.

O jornal estatal Akhbar al-Yaum e a agência oficial Mena divulgaram números similares.

De acordo com o Al-Ahram, além dos 23 milhões de eleitores com votos válidos, outros dois milhões anularam seus votos, com os nomes de candidatos que não estavam entre os dois aprovados pela justiça.

Sissi, eleito em 2014 com 96,9% dos votos, era considerado o vitorioso antes mesmo da eleição, que aconteceu entre segunda-feira e quarta-feira. Ele teve apenas um adversário na disputa: Musa Mostafa Musa.

Musa, desconhecido da população em geral e simpatizante do presidente, obteve apenas 3% dos votos, de acordo com as estimativas do Al-Ahram.

A taxa de participação ficou próxima de 40%, segundo a imprensa. Em 2014, o índice chegou a 37% em dois dias de votação e alcançou 47,5% após a prorrogação por mais um dia.

A Autoridade Nacional Eleitoral anunciou na quarta-feira que as pessoas que não votaram devem sofrer sanções.

bam-emp/gk/me.

Internacional