PUBLICIDADE
Topo

Estado Islâmico mata 41 combatentes de coalizão apoiada pelos EUA na Síria

27/10/2018 09h55

Beirute, 27 Out 2018 (AFP) - Pelo menos 41 membros das Forças Democráticas da Síria (SDF), uma coalizão de combatentes curdos e árabes apoiados por Washington, foram mortos em um contra-ataque dos jihadistas do grupo Estado Islâmico no leste da Síria.

Os jihadistas realizaram ataques fatais "entre sexta-feira à noite e sábado ao amanhecer contra posições reconquistadas pela SDS" no último reduto do EI na província de Deir Ezzor, perto da fronteira com o Iraque, informou à AFP o diretor da ONG Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), Rami Abdel Rahman.