PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Canadá reforça a segurança em mesquitas após ataque na Nova Zelândia

15/03/2019 12h14

Ottawa, 15 Mar 2019 (AFP) - Várias cidades canadenses reforçaram nesta sexta-feira a segurança de suas mesquitas depois do ataque a dois locais de culto muçulmanos na Nova Zelândia, que deixaram 49 mortos.

"Atacar as pessoas durante suas orações é horrível, e o Canadá condena vigorosamente os tiroteios de hoje na Nova Zelândia", afirmou o primeiro-ministro Justin Trudeau no Twitter.

"Nossas condolências às vítimas e suas famílias compartilham a dor de neozelandeses e muçulmanos em todo o mundo", acrescentou.

Até o ataque em Christchurch, o Canadá foi o país onde ocorreu o pior massacre contra um local de culto muçulmano no Ocidente: em 29 de janeiro de 2017, um homem ligado à extrema direita abriu fogo contra os fiéis que estavam reunidos em uma mesquita de Quebec causando seis mortos e 35 feridos.

sab/la/lb/cbr/cn

Twitter

Internacional