PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Na primeira semana de legalização, demanda por maconha explode em Illinois

Consumidores já gastaram cerca de US$ 11 milhões desde que a venda de maconha foi autorizada pela Justiça, em 1º de janeiro - Getty Imagens
Consumidores já gastaram cerca de US$ 11 milhões desde que a venda de maconha foi autorizada pela Justiça, em 1º de janeiro Imagem: Getty Imagens

09/01/2020 18h37

Chicago, 9 Jan 2020 (AFP) - A busca por maconha recreativa no estado americano de Illonois foi tanta que muitos vendedores ficaram sem estoque. Os consumidores já gastaram cerca de US$ 11 milhões na compra da substância desde que a sua venda foi autorizada pela Justiça local, no dia 1º de janeiro.

O total de vendas, divulgado por funcionários de Illinois, representa mais que o dobro da primeira semana de vendas no Colorado, o primeiro estado americano a legalizar o uso da maconha recreativa, em 2014. Na época, segundo dados oficiais, o estado pioneiro arrecadou US$ 5 milhões.

Illinois é o 11º estado a legalizar o uso recreativo da maconha nos Estados Unidos. Nele, há 37 estabelecimentos licenciados a comercializar a substância, dos quais 10 estão na capital, Chicago.

No dia de Ano Novo, a maioria das lojas abriram às 6 da manhã para acolher clientes que estavam há horas nas filas. Algumas delas tinham um tempo de espera de até 12 horas.

De acordo com o Departamento de Regulação Financeira e Profissional de Illinois, em um dia de estorno foram registradas mais de US$ 3,1 milhões em vendas, e um total de 77 mil transações.

Internacional