Chefe da diplomacia britânica: Venezuela não tem motivos para ação unilateral envolvendo Guiana

O secretário de Relações Exteriores britânico, David Cameron, disse nesta quinta-feira (07) que a Venezuela não tem motivos para justificar uma ação unilateral em sua disputa com a Guiana sobre a região rica em petróleo de Essequibo.

"Não vejo absolutamente nenhum argumento para uma ação unilateral por parte da Venezuela. Tem que parar", disse Cameron, durante entrevista coletiva com o secretário de Estado americano, Antony Blinken.

lb/aem/ag/dga/lb