Disputa pela prefeitura de Curitiba tem nove candidatos

Daniel Isaia - Correspondente da Agência Brasil

A disputa para a prefeitura da capital paranaense envolve nove candidaturas. Seis delas estão coligadas com outros partidos, de modo que 32 siglas estão envolvidas no total. Apenas três partidos não formaram coligações.

Gustavo Fruet

O candidato da situação é Gustavo Fruet, do PDT, que concorre à reeleição apoiado por mais quatro partidos. Filho do ex-prefeito de Curitiba, Maurício Fruet, morto em 1998, Gustavo foi deputado federal por três mandatos consecutivos. Em 2010, tentou disputar uma vaga para senador e ficou em terceiro lugar.

Rafael Greca

Rafael Greca é o candidato do PMN e de outros seis partidos. Foi prefeito da capital paranaense entre 1993 e 1997. No ano seguinte, foi eleito o deputado federal mais votado do Paraná. Greca também atuou como ministro de Esporte e Turismo no segundo governo Fernando Henrique Cardoso.

Requião Filho

O PMDB lançou o advogado Requião Filho como candidato à prefeitura, em coligação com o Rede Sustentabilidade. Filho do senador e ex-governador Roberto Requião, o candidato está licenciado do cargo de deputado estadual do Paraná para disputar o pleito.

Ney Leprevost

O candidato do PSD e de outros seis partidos é o jornalista Ney Leprevost. Licenciado do cargo de deputado estadual para disputar a prefeitura, ele foi eleito em duas oportunidades como vereador de Curitiba. Leprevost também atuou como secretário estadual de Transporte e Turismo.

Maria Victoria

Maria Victoria é a candidata do PP em coligação com outros cinco partidos. Foi eleita deputada estadual em 2014, cargo do qual está licenciada para disputar a prefeitura. Maria é filha dos políticos Ricardo Barros e Cida Borghetti.

Tadeu Veneri

O PT lançou candidatura própria sem coligar com outros partidos na capital paranaense. O deputado estadual Tadeu Veneri, também licenciado, foi vereador de Curitiba entre 1995 e 2002. Atualmente, está no quarto mandato consecutivo na Assembleia Legislativa do Paraná.

Ademar Pereira

O PROS também lançou uma chapa pura para a disputa da prefeitura curitibana. O candidato Ademar Pereira foi presidente do Sindicato dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado do Paraná (Sinepe). Atualmente, ele é vice-presidente da Federação Nacional das Escolas Particulares (Fenep).

Afonso Rangel

Afonso Rangel, do PRP, teve a candidatura indeferida pelo Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR), mas recorreu da decisão. O candidato é Pró-Reitor de Planejamento e Avaliação da Universidade Tuiuti do Paraná.

Xênia Mello

A candidata do PSOL, Xênia Mello, também conta com apoio do PCB. Atualmente, é membro do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher em Curitiba. Xênia é advogada formada pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Mestranda em Sociologia na mesma instituição.

Legislativo

As 38 cadeiras da Câmara de Vereadores estão sendo disputadas por 1.072 candidatos ao legislativo municipal ? ou seja, uma proporção de 28,2 candidatos para cada vaga. O número expressivo se explica no fato de que 11 partidos inscreveram 50 ou mais candidaturas. No total, 34 partidos participam da eleição para a Câmara.

Curitiba é a cidade mais populosa da Região Sul, com quase 1,9 milhão de habitantes. Quase 1,3 milhão estão aptos a votar nos candidatos à prefeitura e à Câmara Municipal.

Do total de eleitores, 46% são homens e 54% são mulheres. Estão registrados na capital paranaense 7.559 eleitores analfabetos e 5.565 menores de idade, aos quais o voto é facultativo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos