No dia do Natal, Rio de Janeiro tem mar "caribenho"

Isabela Vieira - Repórter da Agência Brasil

Praia do Arpoador, em Ipanema, no primeiro domingo de verãoIsabela Vieira/ Agência Brasil

Quem decidiu matar o calor neste dia de Natal (25) nas praias da zona sul do Rio de Janeiro encontrou um mar verde-água, como o caribenho. Águas translúcidas, azuis-esverdeadas, prevaleceram entre o Leme e o Leblon, surpreendendo turistas e cariocas que saíram de casa para se refrescar.

A família Corrêa, que sempre vai à praia no Forte de Copacabana, surpreendeu-se com a paisagem. "A gente vem aqui, duas, três, quatro vezes por ano, juntos, neste lugar. É mais tranquilo, mais familiar, mas vazio e a água, como você pode ver, é mais limpa. Hoje, está show", disse Felipe Corrêa, de 24 anos. Junto com a namorada, a irmã e os pais, eles correram para a praia depois do tradicional almoço de Natal, em Caxambi, na zona norte. "Ficar em casa é muito quente, vamos ficar aqui até refrescar", disse Fernanda Paula Corrêa, de 20 anos.

As barracas que alugam equipamentos de stand up paddle também comemoraram a beleza do mar, não apenas pelas águas transparentes, mas tranquilas, o que favorecia a atividade. Com as chuvas que insistiram em cair no fim da primavera e a crise econômica, o negócio não estava indo bem, contou um dos responsáveis pelo aluguel de pranchas no Forte, Tiago Silva.

"Está melhorando agora, mês de novembro foi fraquíssimo", disse. Ele também comemorou a beleza do mar neste primeiro domingo de verão, que atraiu clientes,  e atribuiu a transparência da água à maré. "O mar está favorecendo, durante a semana estava meio poluído e o pessoal reclamou muito. De tarde, a maré joga, geralmente, o lixo para cá, mas hoje não", contou.

Já no Arpoador, em Ipanema, Adriana Maria da Conceição, de 37 anos, que conseguiu que sua folga coincidisse com o primeiro domingo de verão, aprovou o visual. "É lindo, está um vento forte, mas eu e minha família estamos adorando", contou. Ela pretende ficar para o pôr do Sol, um ritual que, nas férias, reúne milhares de pessoas no local.

As crianças e adolescentes também correram para aproveitar o Arpoador, um ponto de onde é possível pular da pedra nas águas do mar, quando a maré está mais alta. Entre um salto e outro, Vittor Sebastião, de 12 anos, confirmou que além de bonita, a "temperatura da água está ótima", nem quente nem fria, o que tornava os saltos junto com os amigos imperiosos.

Previsão do tempo

A temperatura no Rio durante o dia ficou próxima aos 40º C, já passando dos 30ºC pela manhã. Nos próximos dias, o calor pode aumentar, mas as pancadas de chuvas previstas pela meteorologia devem alterar a coloração do mar na zona sul. Na região, a maioria das praias estão liberadas para banho, com exceção do Flamengo, Botafogo, Urca e São Conrado.

Já na zona oeste, o boletim de balneabilidade do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) indica que as pessoas se refresquem apenas nas praias de Barra de Guaratiba, de Grumari, na Prainha, no Portal de Sermambetiba, no Recreio, na Joatinga, no Pepino e na Barra. A praia de Sepetiba e o trecho em frente a Rua Sargento de Faria estão impróprias, devendo ser evitadas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos