Furnas coloca em operação, em Goiás, linha de transmissão de energia

O circuito 2 da Linha de Transmissão Xavantes-Pirineus entrou em operação comercial esta semana em Goiás. O anúncio foi feito hoje (30) por Furnas, empresa responsável pelo empreendimento.

A linha opera na tensão 230 kilovolt (kv). São 51,34 quilômetros de extensão, ligando a subestação Xavantes, no norte de Goiânia, à subestação Pirineus, em Anápolis.

O projeto integra o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Ministério do Planejamento. Subsidiária da estatal Eletrobras e vinculada ao Ministério de Minas e Energia, Furnas venceu o leilão em 2011 e assinou contrato com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para construção, montagem, operação e manutenção da linha. A concessão tem validade por 30 anos.

Qualidade no fornecimento de energia

Segundo nota divulgada por Furnas, o investimento é de R$ 67 milhões. "A implantação do empreendimento reflete o crescimento de carga para Goiânia e Anápolis e mantém a qualidade do serviço de fornecimento de energia elétrica para a região. Entre os principais beneficiados está o Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia), que se encontra em franca expansão", acrescenta a nota.

De acordo com a empresa, o pico da obra mobilizou 220 trabalhadores. A Linha de Transmissão Xavantes-Pirineus passa por oito municípios: Goiânia, Goianópolis, Anápolis, Terezópolis de Goiás, Nerópolis, Leopoldo de Bulhões, Gameleira de Goiás e Silvânia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos