Região de Campinas poupa 2 bilhões de litros de água

Em Campinas

Por conta da crise hídrica no Estado, oito cidades da região de Campinas adotaram o racionamento de água como medida para garantir o recurso a toda a população.

Com a atitude, os municípios de Valinhos, Vinhedo, Rio das Pedras, Nova Odessa, Saltinho, Cosmópolis, Santo Antônio de Posse e Cordeirópolis, juntos, economizaram cerca de 2 bilhões de litros de água. Para se ter uma ideia, Campinas, que possui 1.144.862 habitantes, consome diariamente por volta de 300 milhões de litros de água por dia, sendo que a quantidade economizada seria suficiente para abastecer a cidade por seis dias e 12 horas.

Dos oito municípios que adotaram o racionamento, Valinhos foi o que mais conseguiu poupar. A redução do consumo, proposta pelo governo da cidade desde fevereiro, gerou economia de 1,4 bilhão de litros de água. O nível da barragem do Figueira, que abastece a cidade, subiu de 20% para 50% com a iniciativa, segundo o Departamento de Água e Esgoto (Daev), que garantiu que até o final do ano está garantido o abastecimento de água para a população.

Mesmo com a economia significativa, as oito cidades continuarão com a medida de racionamento por conta da estiagem da região e pela falta de perspectiva de chuva forte que possa restabelecer o volume das barragens.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos