Samarco define grupos para negociar acordo para recuperar rio Doce

Em São Paulo

  • Avener Prado/Folhapress

    O rio Doce em trecho na cidade homônima que recebeu destroços da tragédia de Mariana (MG)

    O rio Doce em trecho na cidade homônima que recebeu destroços da tragédia de Mariana (MG)

A Samarco e seus acionistas, Vale e BHP Billiton, informam que foram definidos, nesta terça-feira (19), os grupos de trabalho para atuação imediata, para negociar com as autoridades federais e estaduais um acordo para recuperação da bacia do rio Doce. "O objetivo é estabelecer os termos para executar os planos de recuperação com eficiência e transparência", informa a Vale, em nota.

Nessa segunda (18), após uma reunião com o presidente da Vale, Murilo Ferreira, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, afirmou que os detalhes do possível acordo ainda estão sendo costurados, mas que há a chance de ele ser selado.

A Vale, junto com a BHP Billiton, controla a mineradora Samarco, é responsável pelo rompimento de duas barragens no distrito de Bento Rodrigues, em Mariana (MG), ocorrida em novembro do ano passado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos