Temporais derrubam árvores e causam inundações em cidades paulistas

José Maria Tomazela

Sorocaba

Chuvas com rajadas de vento derrubaram árvores e causaram alagamentos em cidades do interior e do litoral paulista entre a noite de quarta e a madrugada desta quinta-feira, 26. Em Campinas, nesta madrugada, o temporal causou a queda de árvores no Parque Industrial e na Cidade Jardim, com interdição de vias públicas. No bairro Campos Elíseos, uma árvore caiu sobre um carro, mas os ocupantes não se feriram.

No final da noite de quarta, um raio atingiu a Subestação Tanquinho, no Parque Xangrilá, e deixou 45 mil domicílios sem energia elétrica, entre o Distrito de Sousas e o bairro Taquaral. De acordo com a concessionária CPFL, a energia foi restabelecida em até 30 minutos.

Em Vinhedo, na madrugada desta quinta-feira, uma chuva forte com queda de granizo espalhou galhos de árvores pelas ruas do centro. Uma árvore caiu no bairro Bela Vista. Um temporal com raios e granizo assustou também os moradores de Sorocaba. Houve quedas de árvores no bairro Aparecidinha e placas de publicidade foram arrancadas na região do Éden, mas não houve feridos, segundo a Defesa Civil.

Na Baixada Santista, a chuva da madrugada deixou alagada a Avenida Nossa Senhora de Fátima, uma das principais vias de acesso a Santos. As ruas do Parque Continental, em São Vicente, foram tomadas pela água. No Guarujá, as ruas do Jardim Boa Esperança ficaram alagadas. Motoristas foram surpreendidos pelo temporal e os carros tiveram pane no meio da água. A Defesa Civil de Santos monitora as áreas de morros e encostas da Serra do Mar para prevenir deslizamentos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos