'Melhorar qualidade da saúde e educação é gasto necessário', afirma Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que "melhorar qualidade de saúde e educação é gasto necessário", ao ser questionado sobre a possibilidade de o governo revisar corte de despesas neste ano.

As declarações de Lula foram dadas em entrevista nesta quinta-feira, 20, à Rádio Verdinha, do Ceará. Lula afirmou não querer "gastar mal", mas mencionou a saúde, a educação e o salário mínimo como "gastos necessários".

"Pagar salário para o povo é um gasto necessário. Melhorar a qualidade da saúde é um gasto necessário. Melhorar a qualidade da educação é um gasto necessário", declarou Lula. Em seguida, citou como exemplos a contratação e a capacitação de novos professores. "O que nós queremos é fazer gasto de qualidade com o povo brasileiro, e isso nós não abrimos mão."

Salário mínimo

Lula também afirmou que o governo continuará com a política de aumento do salário mínimo de acordo com o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB). Na ocasião, também lamentou a decisão do Banco Central de manter a taxa Selic em 10,50%. "Quanto mais pagar de juros, menos dinheiro temos para investir no Brasil", disse o presidente.

Deixe seu comentário

Só para assinantes