Cinzas de García Márquez chegarão à Colômbia em maio

BOGOTÁ, 28 FEV (ANSA) - As cinzas do escritor colombiano Gabriel García Márquez, morto em 2014, devem chegar a seu país natal até 22 de maio, como desejam seus familiares e o governo de Bogotá.   


Os restos do escritor, que faleceu aos 87 anos vítima de um câncer, se encontram atualmente na Cidade do México, onde ele viveu durante seus últimos anos de vida.   


Inicialmente, a viúva do Prêmio Nobel de Literatura, Mercedes, havia concordado que suas cinzas fossem depositadas em um monumento na Universidad de Cartagena, em Cartagena das Índias, no início de março.   


Uma série de compromissos da viúva e dos filhos de Gabo, como era conhecido o autor de "Cem Anos de Solidão", os impediu de participar do ato neste mês, postergando o evento até maio. Além disso, as obras de construção do monumento que receberia os restos do escritor sofreram um significante atraso após ter sido encontrado no local um tanque de água da época colonial, o que obrigou a equipe de construção a mudar o desenho do projeto, incorporando o artefato.   


Desta forma, as cinzas do escritos ficarão no interior de um pedestal, dentro do monumento, que contará ainda com um busto de bronze com a imagem de Gabo.   


A obra deve ser entregue em 5 de março, um dia antes do aniversário de García Márquez. Mas o monumento será inaugurado apenas com a chegada das cinzas.   


Vencedor do Nobel de Literatura em 1982, Gabo morreu em 17 de abril de 2014 na Cidade do México. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos